domingo, 12 de julho de 2015

TIVESTE TANTO TEMPO

Tiveste tanto tempo para me ver
e só para mim olhaste
Tiveste tanto tempo para me conhecer
e só o meu nome fixaste
Tiveste tanto tempo para te arrependeres
e nem para trás olhaste
Tiveste tanto tempo para mostrar ser gente
mas não tiveste coragem, sequer tentaste
Tiveste tanto tempo para controlar o tempo
e nem isso aproveitaste
Tiveste tanto tempo para provar a verdade
e por medo, não a encaraste
Tiveste tanto tempo para pedir perdão
mas para ti, sempre esteve fora de questão
Tiveste tanto tempo para me ouvir
preferiste simplesmente presumir
E agora?
O tempo foi embora
ficaste sem saber onde perdeste a razão
mas continuas a acreditar que a tens toda na tua mão
Pura ilusão!
Só te restou ressentimento e frustração
mas nunca é tarde para se arejar o coração!


Helena Santos

Sem comentários:

Enviar um comentário