domingo, 25 de novembro de 2012

Manifesta o mar
em aberta liberdade
que suas luas e seus sóis
suas marés revoltas em festa
turbulentas alegrias
donde os luares sem cor
lhe trás ao mar essa dor de abandono
e má companhia!

Manifesta o amar profundo
em perfeita igualdade
que seus peixes prateados
voam revoltos e errados
em águas soltas e breves
que nas praias areias leves
encantam olhares desgarrados!

Maria Morais de Sa
 

Sem comentários:

Enviar um comentário