sábado, 4 de agosto de 2012

Raízes
Sararam-se as feridas
E a dor do passado
No seco das lágrimas
Cicatrizamos o sofrimento
Respiramos o doce
De um momento
Que só pode sorrir
Elevamos a fantasia
Imaginário do paraíso
Cheio de nós
Sentes, sinto
O romper
Da semente
Que se fez
Paixão
Nosso primeiro
Beijo

 Carlos Margarido

Sem comentários:

Enviar um comentário