sábado, 23 de janeiro de 2016

INVERNO NO CORAÇÃO

O Inverno como Estação
É triste, embora belo
Disso tenho noção
Mas quando o inverno da vida
Se instala no coração
É difícil arranjar solução
Há momentos em que sinto
Que só sentimentos negativos
Me estão destinados
E não consigo proteger-me
A fragilidade domina-me
A tristeza encontra uma porta em mim
E derruba-me, por fim
Assim, não consigo evitar
Que uma chuva de diamantes
Emerja do fundo do meu ser
Saltitando dos meus olhos
Dissolvendo do meu rosto a cor
Porque não há alma sensível
Que suporte tanta dor!


Helena Santos

Sem comentários:

Enviar um comentário