terça-feira, 28 de outubro de 2014

SÓ AOS MEUS OLHOS

O dia amanheceu como tantos outros
Com um céu frio, num cinzento morte
Grávido de tristeza em fim de tempo
Quase a parir lágrimas ao vento
Desejando que lhe tivesse calhado melhor sorte.


Helena Santos

Sem comentários:

Enviar um comentário