quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

PINTEI-ME DE ALEGRIA

Quis pintar uma tela de mim
Indecisa nas cores que escolhia
Porque da minha alma
Se apoderou uma tristeza sem fim
Decidi que mais tempo não perderia
E pintei-me toda de ALEGRIA
Será que fiquei bem assim?

Helena Santos

2 comentários: