quarta-feira, 18 de setembro de 2013



 UM DIA 

Um dia as lágrimas dos meus olhos irão secar
o sangue do meu coração irá estancar
e eu terei prazer em amar sem deixar a vida me maltratar
Viajarei nas rajadas de vento para ao meu destino mais rápido chegar
Provocarei chuva de estrelas no jardim do meu amado
para que tenha uma alma sempre iluminada
Rezarei para que ele ame muito seja correspondido
e que nunca saiba o que é ter um coração sofrido
E quando para longe o vento me levar
certa estarei de que lá será o meu lugar
Irei lembrar-me que o desejar me fez acreditar
e que o não concretizar não fez com que deixasse de amar
A vida é arriscar…
A vida é desejar…
A vida é esperar…
Um dia, o meu dia há-de chegar!

Helena Santos

 

Sem comentários:

Enviar um comentário