sábado, 3 de novembro de 2012

APLAUSOS À EXISTÊNCIA
Sou, mulher que procura o perfume da verdade,
Quando faço uso das palavras.
Sou, vento que lança no tempo o bálsamo
Da brisa que agita-se, num rompante ardente.
Sou, entusiasmo abençoado pelas experiências adquiridas
Que na minha vida, embalou sabedoria.
Sou, conhecimento que louva a existência
E com orgulho, aplaudo a minha essência!

Ana Isabel Rosa
 

Sem comentários:

Enviar um comentário