segunda-feira, 23 de julho de 2012

Uma miragem

Na miragem
de ondas bravas
e grãos de areia
pintados de sol
brilhava a terra
de pão e de mel
derramada
nas tuas mãos.
Banhado de mar
o teu rosto
irrompendo
na delicadeza
dos corais
enfeitiçou-me.
A miragem
atrás do olhar
aqueceu
a tua silhueta
e ela renasceu
na cor macia
do luar.

(Graça Arrimar
 

Sem comentários:

Enviar um comentário