sexta-feira, 26 de outubro de 2012

BENDIGO

Bendigo,  o sol  que me ilumina
o céu que me fascina
o mar que me desatina...
cada centelha de luz
que amaina qualquer cruz
e os caminhos conduz,
todos os vales e montes
água de rios e fontes
e as histórias que me contes

Bendigo o pantanal
o jacaré, o pardal
os recifes de coral
o deserto e a pradaria
a savana e a magia
do leão à cotovia
os oceanos e  mares
as águas os glaciares
brancos e puros altares...

Bendigo a luz do luar
 que a lua foi roubar
ao sol p'ra nos enganar...

LLobo

Sem comentários:

Enviar um comentário